• http://ekladata.com/80pQm1dDQBW-kU32x842uKTw6S4.jpg

    https://terrakotaofficialpage.wordpress.com

    https://www.myspace.com/terrakota





    Origine du Groupe : Portugal

    Style : Dub World , Reggae

    Sortie : 2012

    icon streaming

    red_white_pearl_icon_004.png


    From http://optimusdiscos.pt

    Terrakota nasceu da viagem e cresceu com a mistura. Não sabe nem quer saber o que são fronteiras. Considerados os embaixadores da multiculturalidade de Lisboa, são já uma referência da música mestiça e de fusão no cenário nacional e internacional.Detentores de uma identidade musical sólida construída a partir de uma inspiração global em elementos tradicionais e contemporâneos, têm vindo a apurar o seu estilo inventivo, mestiço e bem condimentado. A sua música fala por si, une povos, línguas e culturas. Reivindica, exige e concretiza a dimensão universal do ser humano através de uma consciência política e interventiva vital que intensifica ainda mais a energia do espectáculo.
    A semente plantada no Burkina Faso, em 1999, germinou em território português e tem dado frutos pelo mundo fora, entre viagens de pesquisa musical e concertos nos palcos mais importantes do roteiro da world music.O reconhecimento disso foi a recente nomeação para o Songlines Music Awards 2011 na categoria de Best Group. O mapa-mundo é virado do avesso e as fronteiras são varridas por esta música poliglota, como se português, creolo, wolof, espanhol, inglês, francês, árabe, fossem uma língua só. Um passaporte para uma viagem pelo globo em passo de dança ao som de ritmos mandinga, afro-cubanos, soukous, funaná, samba, reggae, gnawa, afrobeat, desert blues, batuque, flamenco, maracatu, música árabe, rap ou chimurenga, e mais recentemente com influências da música indiana.
    Os Terrakota passaram o inverno passado a "dubbar" sons dos álbuns antigos e a convidar outros cantores que a banda foi conhecendo por esse Mundo fora, sem medo de entrar por novas e mais ousadas texturas musicais. O  EP “Re-Cooked Sessions” é o primeiro resultado destas experiências. Trata-se da reinvenção de temas dos álbuns “World Massala” e “Oba Train” (a abrir o apetite para um álbum completo de remisturas previsto para o final de 2012) e tem a participação de Mahesh Vinayakram, da estrela de Bollywood Vasundhara Das, Kuthla Khan dos Rajasthan Roots, Hélio Bentes dos Ponto de Equilíbrio e Florian Doucet dos Family Jammin’, Conductor (Ngonguenha, Buraka Som Sistema), Ikonoklasta (Batida, Ngonguenha), K Kota (Nigga Poison) e Beat Laden. Ao contrário do habitual, são os próprios músicos que estão a remisturar, aplicando uma linguagem dub a todo o tipo de ritmos na procura de sonoridades novas, mais planantes e envolventes.


    Tracklist :
    01 - So Free feat Helio Bentes
    02 - Massala Dub feat Vasundhara Das & Mahesh Vinayakram
    03 - Move On feat Florian Doucet
    04 - Ayam Dub
    05 - Chelo Habibi Dub feat Mahesh Vinayakram & Kutla Khan

     





    Suivre le flux RSS des articles de cette rubrique